skip to Main Content

O Âmbar e suas cores…

O Âmbar e suas cores…

As cores do âmbar variam muito umas das outras, ao contrário da crença de que o âmbar somente se apresenta na cor amarelada, vale ressaltar que a natureza no presenteia com uma variação de mais de 200 tonalidades de âmbar.

As cores do âmbar são influenciadas pelo ambiente, pela água, solo, resina, mudanças climáticas e reações químicas, e até mesmo, dos resíduos presos dentro da resina das árvores, contribuem para uma paleta de cores bem diversificada.

Como o âmbar já se apresenta em tonalidades diferentes, não há necessidade para que joalheiros tratem as peças artificialmente, a fim de criar joas coloridas.

O âmbar na cor verde é extremamente raro. Uma máscara profunda do verde significa que a pedra de âmbar é muito rara e vale a pena muito mais do que o âmbar comum. Tratados com calor, o âmbar verde destaca-se ainda mais vívido e belo. Relacionado com estas cores, há também âmbar verde e verde-amarelo, que naturalmente tendem a ser menos valorizadas.

Ainda mais difícil de encontrar do que o verde é o âmbar azul, que é raramente utilizado na fabricação de jóias de âmbar. Se combinado com algum metal precioso, joias de âmbar azul, podem realmente ser únicas e tornar-se uma das joias mais interessantes e maravilhosas que jamais pode existir.

Há também a âmbar branco-colorido com tonalidades branco leitoso. Estes pedras de âmbar branco são extremamente apreciadas pelos joalheiros de todo o mundo, mesmo não sendo tão popular como outras cores, é extremamente difícil encontrar puras pedras de âmbar branco e a maioria deles contêm impurezas. Ao todo, o âmbar branco corresponde a menos do que 2% do fornecimento mundial de âmbar.

O Âmbar vermelho é tão raro como o azul, ainda mais comumente usado em joias de âmbar. As cores são vivas e extraordinariamente profundas, em tons atraentes.

Há também âmbar marrom, o âmbar negro e âmbar amarelo, usados na fabricação de joias de âmbar.

O âmbar mais claro é extremamente apreciado e valorizado entre os joalheiros por razões tais como a preservação de insetos, penas, organismos pré-históricos, besouros e muitos mais. Existem poucas peças de âmbar com insetos, e a maioria deles formam o centro das atenções para colecionadores e museus.

O âmbar de cor marrom é semelhante à de padrão amarelo, somente mais escuro em termos de matizes e tons. Eles são, evidentemente, mais comuns que os demais, porém, não menos interessantes.

Por último, mas não menos importante, o âmbar negro são os mais escuros de todos.  As estatísticas mostram que menos de 15% da oferta global de pedra de âmbar é feito de âmbar negro. A cor âmbar escuro é o resultado da grande quantidade de impurezas e matéria vegetal encontrada dentro da árvore resina. As joias de âmbar negro são umas das mais elegantes, podendo confeccionar a partir delas, impressionantes acessórios em âmbar.

Sob pouca luz, o âmbar preto é bastante escuro. Enquanto que, analisado sob a luz alta, o âmbar negro ganha matizes de vermelho escuro ou marrom escuro.

Com tanta cor, história, evolução, transformação e calor, a pedra de cores âmbar e joias de âmbar em si são uma verdadeira maravilha da natureza. Uma maravilha que as pessoas adoram admirar e usar como adorno!

Back To Top